hisham hm

Leituras no ônibus

Ônibus lotado, cheio de pessoas nos seus telefones. Me ocorre o pensamento de que hoje se lê mais. Sim, de que o número de palavras por dia que as pessoas leem hoje, se contarmos tudo, Facebook, Whatsapp, deve ser maior do que em outros tempos.

Olho à volta, há uma senhora lendo um jornal, daqueles de papel. Pensei: “bom, talvez ela seja daquelas pessoas que não fez a transição pra vida digital”. O assento ao lado dela libera, eu sento.

Li uma coluna do segundo caderno, como papagaio de pirata. Obrigado jornal pelas letras grandes. Vejo outra pessoa deixando um comentário no Facebook. Se bobear hoje as pessoas escrevem mais também.

A senhora guarda o jornal na bolsa, acabou a leitura dela e a minha também. Pega o telefone. Achei que estava olhando a lista de contatos para fazer uma ligação, mas era o GMail. Uma rápida checada na caixa de entrada e ela volta para a home screen. Entra no Whatsapp. Ela tem um grupo chamado “Colegas do C. São José 1960”. Eu paro de espiá-la e pego meu telefone pra escrever.


Quem não tá entendendo o que tá rolando, só imagine…

Compartilhando o post de Heitor Korndorfer, que eu havia compartilhado no Facebook anteriormente e que desapareceu durante o dia de hoje, aparentemente por causa de um bug no Facebook.

Segue o post do Heitor abaixo:


Quem não tá entendendo o que tá rolando, só imagine:

- Você é professor, se fode pra caralho, e paga há anos uma parte do seu salário para o fundo de previdência estadual.
- Um governador QUEBRA o estado financeiramente. Ele e integrantes de sua família são investigados por corrupção. Jornalistas que investigam o caso são ameaçados de morte. [1]
- Este governador precisa de dinheiro pois não consegue nem colocar combustível nas viaturas da polícia do estado. [2]
- Onde ele vai arranjar dinheiro? Exatamente no fundo que você pagou durante toda a sua vida para a sua previdência. Para efetivar esse roub.. quer dizer, artifício, ele precisa mudar a lei.
- Ele tem a assembleia legislativa aos seus pés, e com trocas políticas garante que os deputados vão aprova-la.
- Você fica puto, pois se essa lei for aprovada, os pagamentos da previdência só ficarão com fundos garantidos até 2021. Ou seja, ele vai usar o dinheiro da SUA aposentadoria para consertar o rombo que ELE MESMO criou, e você poderá ficar a ver navios nessa.
- O que fazer? ÓBVIO, você entra em greve. Aí ele mexe uns pauzinhos para o pessoal do judiciário mandar os professores de volta as aulas e ameaça descontar seu salário.
- Você continua lá, vai lutar pelos seus direitos, não interessa o salário de hoje. Interessa a sua aposentadoria.

- Você volta pra casa assim.

[1] http://oglobo.globo.com/brasil/jornalistas-que-investigam-denuncias-de-corrupcao-pedofilia-sao-ameacados-no-parana-15914287
[2] http://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/por-falta-de-pagamento-mais-viaturas-da-pm-ficam-sem-combustivel-4qrkthgxolxxkrjpra04n4t3i

foto: Gabriel Rosa/Secretaria Municipal de Comunicação Social